//
você está lendo...
Dicas, Diferenças Culturais

Gafe Cultural: quando não dá pra acabar em pizza

Fazia tempo que não escrevia sobre os restaurantes que
temos visitado. Porque, sim, os posts estavam em crise, mas os
almoços das Luluzinhas, não. Comida mediana, sempre temperada com
pimenta do reino, achei que não era motivo para indicar nada. É
possível não morrer de fome, caçar alguma coisa boa nos cardápios
mas, realmente, culinária não é o forte dos americanos. Unknown-1Mas essa semana, indo
contra a premissa de tentar ir sempre em algum lugar diferente,
voltamos ao Pizza by Elizabeth’s. Um lugar muito
gostoso, considerado pelos brasileiros a melhor pizza da região.
Ainda não descobri se a pizza é de fato boa, ou se o padrão de
exigência vai caindo com o passar dos dias. O lugar é dedicado as
famosas Elizabeths e as pizzas homenageiam algumas delas. Então,
por que indicar o Pizza by Elizabeth’s? Pelo simples fato de poder
comparar uma pizza dos Estados Unidos com uma do Brasil, o que é,
no Unknownmínimo, um choque cultural.
Primeiro, a pizzaria abre na hora do almoço, como todas as outras
aqui. Exato. Pizza é almoço e é para ser comida com a mão. Depois,
é uma das pouquíssimas pizzarias com forno a lenha. Sim! Forno a
lenha. As pizzas em geral são feitas no forno elétrico. Outra
grande vantagem da pizzaria é que você pode escolher a massa –
grossa ou fina, normal ou integral. A fina equivale a massa normal
no Brasil e a “regular”, como eles chamam, lembra um pão. Dentre as
opções de recheios, dá para montar algo perto de uma margherita ou
portuguesa, nada além disso, mas já está ótimo. As demais opções
transitam entre bolinho de carne e jalapeño, entre outras iguarias.
Mas num país onde molho de tomate da pizza é considerado o
“vegetal” da refeição, nada mais me surpreende. A refeição completa
é pizza de mussarela: pizza = carboídrato, molho de tomate =
vegetal e queijo = proteína. imagesO cardápio ainda tem
algumas opções de massa, saladas e sopas, o que ajuda na hora do
almoço. Tirando a máxima que acompanha qualquer prato ao ser
servido (em qualquer restaurante dos Estados Unidos, diga-se de
passagem) – Do you want fresh pepper? – a comida é boa. Não é a toa
que repetimos algumas vezes esse restaurante nos almoços do grupo.
Restaurante ótimo, comparado com a média. Mas fica a triste
constatação: Pizza feita em forno elétrico comida com a mão na hora
do almoço; por pior que esteja a situação, não dá para acabar em
pizza por aqui.

Anúncios

Sobre Hearts and Minds

Avessa a mudanças, tive a grata surpresa de descobrir que tudo pode mudar. Menos as coisas mais importantes da vida. Porque aquilo que não toca no coração, não fica na mente.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

E em 140 caracteres

%d blogueiros gostam disto: