//
você está lendo...
Odd

Two Dollar Bill

Sexta-feira, resolvemos fazer algo diferente. Naquele dia, íamos numa pizzaria. Um super passeio (do ponto de vista das crianças).

Mas, antes, fomos até a Macy’s do Concord Mall trocar uma blusa do Vini. Enquanto ele via as coisas, eu tentava torear o Antonio que corria feito um alucinado em cima dos manequins, seguida pela Helena que, como sempre, se comportava como uma princesa. Alguns minutos se passaram, e um senhor se aproximou. Ele deveria ter seus 75 anos, meio careca com o pouco que lhe restava de cabelo bem branquinho e olhos azuis.

– Who is two? (qual dos dois tem dois anos?)

– He… (ele, apontando para o Antonio)

– So I’ll give him two dollars. He is a two dollar bill.

Quem me conhece pode imaginar a careta que fiz na hora. Algo mais ou menos como “o senhor fugiu de qual hospício?” Ele tira um bolo de dinheiro do bolso e puxa uma nota e me dá. Meio sem jeito, com a nota na mão, eu pergunto:

– But why? (mas porque?)

– Because I’m a grandfather and that’s what grandfathers do. (porque eu sou avô e isso é o que avôs fazem).

Agradeci – sem me convencer muito – e fiz o Antonio agradecer.

Contei para o Vinicius no caminho da pizzaria e disse que não queria ficar com aquele dinheiro. Decidimos que ia para a garçonete da pizzaria.

Na hora da conta, dei a nota para colocar junto no cartão e o Vinicius solta a pérola:

– Uma nota de dois dólares? Não existe nota de dois dólares. É falsa.

Quase morri de ódio do mico que o velhote me fez pagar. Mas eis que contando o mico para uma amiga, descubro que sim existem e são super raras. Elas foram descontinuadas em 1966, mas voltaram a ser impressas em 1976. Pelo fato de terem pouca circulação, algumas pessoas até acham que são falsas.

Descobri até um site que conta histórias sobre as notas de dois dólares e rastreia as danadas. Inclui a nossa lá. Será que você consegue identificar qual é?

O que de fato aquele velhinho quis dizer, nunca vou saber. Mas prefiro acreditar que tirei a sorte grande e o pequeno é como uma nota de dois dólares: sim, ele existe e é uma sorte tê-lo comigo.

Saiba mais sobre a famosa “two dollar bill“!

 

Anúncios

Sobre Hearts and Minds

Avessa a mudanças, tive a grata surpresa de descobrir que tudo pode mudar. Menos as coisas mais importantes da vida. Porque aquilo que não toca no coração, não fica na mente.

Discussão

3 comentários sobre “Two Dollar Bill

  1. Acho que foi um gesto bonito do velhinho… Deve ter tido boas intenções 🙂

    Publicado por Chris | agosto 22, 2012, 10:39 pm
    • Chris, nunca vamos saber o que ele quis dizer de verdade, mas também prefiro acreditar que ele fez um gesto bom. Tenho sorte de ter esse “two dollar bill” aqui comigo. Os filhos são uma benção e agora vamos sempre ter essa história pra contar.

      Publicado por Hearts and Minds | agosto 24, 2012, 10:23 am

Trackbacks/Pingbacks

  1. Pingback: Celebrar a vida | Hearts and Minds - setembro 26, 2013

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

E em 140 caracteres

%d blogueiros gostam disto: