//
você está lendo...
Diferenças Culturais

Gafe Cultural – Aniversário 4

Esse tema sempre tão feliz. Não sei como tinha esquecido desse aniversário em especial.

Ano passado, véspera de páscoa, aniversário de uma amiguinha da Lele. Não qualquer uma. Aquela dos “playdates” (relembre aqui Playdate I e Playdate II).

Poucas pessoas na festa, uns 15 adultos mais umas seis ou sete crianças. Por sorte, estava com uma amiga brasileira – a minha consultora geral aqui – para não ficar tão deslocada.

Já de cara, nada estava arrumado quando chegamos. A mãe ainda colocando as coisas nas mesas, o pai desaparecido e as crianças sujas. Na verdade, não tinha muito mais que colocar nas mesas, o pai aparece e desaparece e as crianças continuam sujas.

Como era uma ou duas da tarde, já não lembro, tinham uns petiscos: pretzel, nuts em geral e uns queijos que seguramente estavam rolando na geladeira há alguns dias. Mas tudo ótimo. Super informal e – apesar de todos os episódios desastrosos de interação – eles são muito agradáveis.

Como era véspera de páscoa, o ponto alto da festa era o egg hunt que ia ser feito. Com as cestinhas em IMG_3016punho, as crianças foram separadas em grupos pela idade para caçar os ovos.

Pausa para ambientar o cenário: aquela casa gigantesca e muito velha num terreno enorme. O tal do egg hunt ia ser numa parte do jardim cercada de árvores, um lugar reservado, como esses jardins de filme – claro!

Isto posto, todos foram para esse jardim. O grupo da Lele foi o segundo a sair para a caça e, como ela era pequena ainda – na época com três anos – fui com ela. Ela conseguiu pegar alguns ovinhos e já estávamos voltando para a casa grande quando vejo a cara muito pálida dessa amiga vindo na minha direção: “Você viu onde estavam escondido os ovos?”

Como não? Pelo jardim. Do lado onde eu estava. Ao me virar para o outro lado desse tão reservado jardim, me deparo com uma lápide coberta de ovinhos de páscoa e crianças alucinadas em cima dele se estapeando para ver quem pegava mais.

Se eu já achava que a casa e a família eram estranhas, agora não achava mais. Tinha plena certeza.

IMG_3028

Anúncios

Sobre Hearts and Minds

Avessa a mudanças, tive a grata surpresa de descobrir que tudo pode mudar. Menos as coisas mais importantes da vida. Porque aquilo que não toca no coração, não fica na mente.

Discussão

Trackbacks/Pingbacks

  1. Pingback: Gafe Cultural – Playdate III | Hearts and Minds - julho 15, 2013

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

E em 140 caracteres

%d blogueiros gostam disto: